Mais um artigo de Michael Laitman que traduzi para vocês. Vamos refletir.

Hoje, o mundo inteiro está em crise, e estamos nos aproximando lentamente de problemas ainda maiores em todos os lugares e em todas as áreas da vida. Tudo o que temos feito neste mundo foi mal feito, porque nós crescemos sob o domínio do nosso egoísmo. Não podemos esperar coisas boas onde quer que seja, porque temos sempre trabalhado apenas em função de nosso ego.

Agora, o mal é revelado gradualmente, gota a gota, em diferentes locais e em qualquer oportunidade, de modo a impedir-nos de sermos retirados de nossa própria dor. Se a dor se torna demasiadamente forte, não seremos capazes de pensar em outra coisa, exceto em como nos livrarmos dela. Não estaremos mais interessados ​​na sua causa e efeito; pretendemos apenas acabar com essa dor.

No entanto, se a dor vem em ondas e em todo o tempo ou diminui ou se torna mais grave, deixando-me tempo suficiente para refletir sobre isso, então começamos a perscrutar de onde e por que ela vem e como nos livrarmos dela. O Criador estabelece uma espécie de jogo conosco e, como resultado, encontramos uma solução.

Em primeiro lugar, precisamos estudar a causa, e isto está em oposição a nossa natureza. Nossas propriedades são opostas ao Criador e, portanto, quando Ele se aproxima, nos sentimos mal! E quanto mais próximo Ele está, pior nos sentimos! É como no caso do ladrão de quem é melhor manter distância da tesouraria e não dar-lhe uma oportunidade para cometer um crime. O mesmo é com a gente.

Por isso, especialmente agora, em nosso tempo, o Criador é revelado de forma muito lenta e gradualmente, a fim de dar-nos tempo para pensar. Ele é revelado um pouco, e nos sentimos mal. Por exemplo, um par de anos atrás, uma crise estourou, e agora as pessoas dizem que está supostamente superada. Mas não passou, simplesmente nos está sendo dado tempo para pensar e explorar! Em breve, outro golpe nos atingirá, em vários níveis e de vários tipos. E depois, um período de calma ocorrerá.

Assim, o Criador nos ensina e nos dá oportunidades de buscar razões para que, em última análise, venhamos a reconhecê-lo como a fonte de tudo o que acontece. E em relação ao nosso egoísmo, Ele aparece como a fonte de todo mal. Então, vamos entender por que nos sentimos mal: é por causa da nossa oposição ao Criador.

O que podemos fazer para nos sentir bem? O Criador é perfeito, e nós temos que mudar apenas a nós mesmos. Assim, aos poucos, vamos percebendo que temos de nos corrigir a nós mesmos. A humanidade irá certamente chegar a este entendimento sob os metódicos golpes periódicos que virão, em todas as formas, para qualquer nação, a qualquer pessoa, assim nos ensinando.

No entanto, temos que revelar este método para as pessoas para que o mais cedo possível saibam a partir de onde e por que esses golpes vem. Por isso, vamos facilitar o desenvolvimento de toda a humanidade. Isso é chamado de “trazer a luz para as nações, isto é, para pessoas que ainda não entendem por que são atingidas.

Para se desenvolver conscientemente, as pessoas precisam descobrir a causa, a necessidade, e o propósito dos golpes. Como resultado, todo o curso do desenvolvimento muda muito. Aqueles que possuem o método de correção devem utilizá-lo para o mundo inteiro.

http://mlist.kbb1.com/files/blog_mihaelya_laitmana_eng_wb.html