JÁ QUE AMANHÃ É DOMINGO, ENRIQUEÇO ESTA SÉRIE “SILÊNCIO” COM ALGUNS TEXTOS BÍBLICOS.

 

O Silêncio e a Devoção

Salmos
131.1   SENHOR, não é soberbo o meu coração, nem altivo o meu olhar; não ando à procura de grandes coisas, nem de coisas maravilhosas demais para mim.

131.2   Pelo contrário, fiz calar e sossegar a minha alma; como a criança desmamada se aquieta nos braços de sua mãe, como essa criança é a minha alma para comigo.

 

O Silêncio na hora certa

Eclesiastes
3.1   Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu:

3.2   há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou;

3.3   tempo de matar e tempo de curar; tempo de derribar e tempo de edificar;

3.4   tempo de chorar e tempo de rir; tempo de prantear e tempo de saltar de alegria;

3.5   tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar e tempo de afastar-se de abraçar;

3.6   tempo de buscar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de deitar fora;

3.7   tempo de rasgar e tempo de coser; tempo de estar calado e tempo de falar;

3.8   tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz.

 

 

O Silêncio omisso

Salmos
39.1   Disse comigo mesmo: guardarei os meus caminhos, para não pecar com a língua; porei mordaça à minha boca, enquanto estiver na minha presença o ímpio.

39.2   Emudeci em silêncio, calei acerca do bem, e a minha dor se agravou.

39.3   Esbraseou-se-me no peito o coração; enquanto eu meditava, ateou-se o fogo…

 

 

O Silêncio e a espera

Lamentações
3.25   Bom é o SENHOR para os que esperam por ele, para a alma que o busca.

3.26   Bom é aguardar a salvação do SENHOR, e isso, em silêncio.

3.27   Bom é para o homem suportar o jugo na sua mocidade.

3.28   Assente-se solitário e fique em silêncio; porquanto esse jugo Deus pôs sobre ele;

 

O Silêncio prudente

Amós
5.12   Porque sei serem muitas as vossas transgressões e graves os vossos pecados; afligis o justo, tomais suborno e rejeitais os necessitados na porta.

5.13   Portanto, o que for prudente guardará, então, silêncio, porque é tempo mau.

 

O Silêncio aquiescente

Mateus
26.60   E não acharam, apesar de se terem apresentado muitas testemunhas falsas. Mas, afinal, compareceram duas, afirmando:

26.61   Este disse: Posso destruir o santuário de Deus e reedificá-lo em três dias.

26.62   E, levantando-se o sumo sacerdote, perguntou a Jesus: Nada respondes ao que estes depõem contra ti?

26.63   Jesus, porém, guardou silêncio. E o sumo sacerdote lhe disse: Eu te conjuro pelo Deus vivo que nos digas se tu és o Cristo, o Filho de Deus.

 

O Silêncio aquiescente

Marcos
3.2   E estavam observando a Jesus para ver se o curaria em dia de sábado, a fim de o acusarem.

3.3   E disse Jesus ao homem da mão ressequida: Vem para o meio!

3.4   Então, lhes perguntou: É lícito nos sábados fazer o bem ou fazer o mal? Salvar a vida ou tirá-la? Mas eles ficaram em silêncio.

 

O Silêncio culposo

Marcos
9.32   Eles, contudo, não compreendiam isto e temiam interrogá-lo.

9.33   Tendo eles partido para Cafarnaum, estando ele em casa, interrogou os discípulos: De que é que discorríeis pelo caminho?

9.34   Mas eles guardaram silêncio; porque, pelo caminho, haviam discutido entre si sobre quem era o maior.

9.35   E ele, assentando-se, chamou os doze e lhes disse: Se alguém quer ser o primeiro, será o último e servo de todos.

 

O Silêncio reverencial

Atos dos Apóstolos
22.1   Irmãos e pais, ouvi, agora, a minha defesa perante vós.

22.2   Quando ouviram que lhes falava em língua hebraica, guardaram ainda maior silêncio. E continuou:

 

O Silêncio reverencial

Apocalipse
8.1   Quando o Cordeiro abriu o sétimo selo, houve silêncio no céu cerca de meia hora.

 

O Silêncio reverencial

Habacuque
2.20   O SENHOR, porém, está no seu santo templo; cale-se diante dele toda a terra.